6 de maio de 2021

Fator humano será a principal vulnerabilidade do PIX

O Pix, novo meio de pagamentos do Banco Central, entrou em operação na terça-feira, 3 de novembro, de forma restrita por volumes e horários, para que instituições financeiras e clientes pudessem testar a plataforma. A primeira etapa foi realizada até o...

O Pix, novo meio de pagamentos do Banco Central, entrou em operação na terça-feira, 3 de novembro, de forma restrita por volumes e horários, para que instituições financeiras e clientes pudessem testar a plataforma. A primeira etapa foi realizada até o dia 15 e, no dia 16, o sistema passou a funcionar de forma integral, 24 horas por dia, todos os dias do ano.

Até o dia 16 de novembro, o sistema havia registrado o cadastro de 73 milhões de chaves, segundo levantamento do BC. A solução visa oferecer transações mais rápidas e baratas do que os meios convencionais, com disponibilidade mais ampla e sem horário específico de funcionamento. Consumidores e empresas poderão enviar ou receber dinheiro  a qualquer momento, com liquidação em até 10 segundos – na prática, o dinheiro cai na hora. 

Leia mais…

You may have missed

Cresta WhatsApp Chat
Send via WhatsApp
11993455895